Etiquetas

, , , ,

Escrevi isso já faz alguns anos, mas não poderia descrever melhor o meu grande amor:

Hoje tive o encontro mais apaixonante de minha vida!

O caso é antigo… Entre idas e vindas já se passaram anos. Prazer, sorrisos, flertes, sempre estiveram presentes, assim como tensão, nervosismo e tristezas.

Paixão e desencantos traçavam o caminho desse tortuoso relacionamento.

O que surpreende é que hoje… depois de tanto tempo, de tantos fatos, de tanto… Apenas hoje, me dei conta, me deparei com aquele sentimento que ali sempre esteve. Era o AMOR!

Pernas bambas, sorriso incontrolável, suor no corpo, brilho nos olhos e aquela sensação de plenitude, satisfação e certeza.

Depois de tanto tempo e tantas tentativas. Hoje, sei: nada pode nos separar! Nada colocará fim a essa completude, a esse desejo tranquilo – porém insaciável -, a essa junção eletrizante dos Seres… Nada é capaz de nos afastar! NADA CONSEGUIRÁ ME LEVAR PARA LONGE DA DANÇA!

Tudo que produzimos – textos, desenhos, fotos, vídeos, e por aí vai… – traçam um retrato de quem somos naquele momento. Revisitar o que fizemos há anos é reencontrar a pessoa que éramos naquele momento.

Quando estava procurando esse texto pra postar aqui, encontrei muitos outros que escrevi no mesmo período. É muito bom poder reencontrar aquela Luiza de anos atrás e ver que, hoje, ela já encontrou grande parte do que procurava.

Meu conselho para todxs: revisitem seu passado de vez em quando – com cuidado para não se perder nele -, reencontrem aquele EU que se transformou no seu EU atual, conversem com ele e tentem se ver com o olhar que essa pessoa distante teria… pode ser surpreendente!

Anúncios